Menu

Explore por temas!

Bookmarks

Salve suas notícias e leia quando quiser.

Imagem de: Apple é processada por falha grave descoberta por adolescente no FaceTime
Avatar do autor

Por Claudio Yuge

@clangcomix

1 min de leitura

Apple é processada por falha grave descoberta por adolescente no FaceTime

Ontem (29) mesmo noticiamos aqui que um adolescente descobriu uma falha grave que permitia a ele ouvir outros iPhonesiPads sem a autorização dos usuários. O responsável pelo jovem teria tentado alertar a Apple de várias formas, sem sucesso. Agora, um advogado de Houston deve conseguir a devida atenção da companhia, por meio de uma ação judicial.

Larry Williams entrou com um processo na segunda-feira (28), junto ao Tribunal Distrital do Condado de Harris, alegando que a empresa foi negligente quando permitiu que o microfone de seus dispositivos fosse usado dessa maneira enquanto trabalhava com informações confidenciais de um de seus clientes.

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE

"O réu tinha uma conversa privada com um cliente quando essa violação de produto permitiu a gravação. O produto foi utilizado para os fins pretendidos, porque o autor atualizou seu telefone para fins de chamadas de grupo no Facetime, mas não a escuta não solicitada. O réu sofreu prejuízos", afirmou o documento.

Williams também alegou responsabilidade por produtos restritos e violação de garantia expressa, entre outros aspectos. A Apple deve lançar uma correção para o bug ainda esta semana e não comentou o processo.

Cupons de desconto TecMundo:

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE

Categorias

Software Apple Segurança

Comentários

Conteúdo disponível somente online
Apple é processada por falha grave descoberta por adolescente no FaceTime