Menu

Explore por temas!

Bookmarks

Salve suas notícias e leia quando quiser.

Imagem de: Parceiros do Facebook teriam roubado dados de usuários do Instagram
Avatar do autor

Por Flávio Motta Coutinho

1 min de leitura

Parceiros do Facebook teriam roubado dados de usuários do Instagram

O Facebook está fazendo uma avaliação de todos os seus parceiros de marketing devido ao mau uso de dados de usuários do Instagram para compartilhamento e venda de informações. Muitas violações às regras de privacidade da mídia social foram notadas pelo site de notícias Business Insider, incluindo coleta ilícita de informações dos perfis e armazenamento de senhas. 

Cerca de 600 empresas de publicidade apresentam o selo de aprovação do Facebook, mas o Business Insider identificou vários abusos às regras do Instagram por desenvolvedores que trabalham na plataforma. No início deste mês, o site descobriu que a Hyp3r, uma startup de marketing de São Francisco, havia ilegalmente coletado milhões de dados, por meio do rastreamento das localizações, através de uma falha na segurança.

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE

Posteriormente, o site identificou várias corporações com aparente potencial elevado de violar as políticas da rede social. Muitas outras empresas foram descobertas — parceiras oficiais ou não —, tais como AiGrow, Bigbangram, Brand 24, Follow Cop, Followers Tracker, Sked Social, Stackla e Storrito.

Facebook (Fonte: Pixabay/Reprodução)
Facebook (Fonte: Pixabay)

Diante das investigações do Business Insider, o Facebook encerrou as parcerias com as empresas que violaram as regras e afirmou que está fazendo uma revisão de todas as demais, além de focar no desenvolvimento de novos métodos que auxiliem na detecção de captura de dados. Nas últimas semanas, a plataforma já passou a aplicar esses novos procedimentos com o intuito de reprimir ações que violem suas políticas e relembrou seus parceiros de marketing sobre suas leis sobre coleta de dados.

Posição do Instagram

Por sua vez, o Instagram anunciou o oferecimento de recompensas aos desenvolvedores de tecnologias de segurança que sejam capazes de identificar aplicativos e empresas que utilizem as informações das contas. Nem todas as ações das companhias identificadas pela investigação afetam os usuários igualmente, mas a vulnerabilidade do acesso a dados na rede tem irritado alguns perfis empresariais.

Todas essas descobertas revelam que o Instagram pode sofrer os mesmos problemas que afetaram a plataforma principal, o Facebook, considerando os frequentes escândalos que a empresa vem enfrentando em virtude da coleta de dados de seus usuários.

Cupons de desconto TecMundo:

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE

Categorias

Segurança Facebook Instagram Privacidade Internet

Comentários

Conteúdo disponível somente online
Parceiros do Facebook teriam roubado dados de usuários do Instagram