O presidente e fundador da Xiaomi Lei Jun pode ter revelado “sem querer” a próxima geração do dispositivo de pulso de sua empresa. Durante o evento de lançamento do Black Shark, o aguardado smartphone gamer da companhia, ele apareceu trajando o que parece ser a ainda inédita Mi Band 3.

Apesar de ser parecida com as versões anteriores, o modelo é claramente uma novidade e pode ser notado de forma discreta logo abaixo da manga da mão esquerda do executivo. Pelo que se pode notar, o aparelho tem banda de borracha e uma tela levemente maior — a expectativa é de um display OLED.

Lei JunSuposta Mi Band 3 no punho de Lei Jun.

O vidro do display é curvado e se projeta por sobre as bordas laterais do suporte, criando assim um efeito ainda mais interessante para o produto final. No início do mês, surgiu o rumor de que o aparelho terá tela sensível ao toque, o que não pode ser confirmado pelas imagens de Jun equipado com o portátil.

Lei Jun

Ainda não se sabe ao certo quando o aparelho será anunciado oficialmente, mas as constantes menções a ele na imprensa e o seu aparecimento repentino no braço de Lei Jun sugerem que isso acontecerá em breve. Enquanto não lança a Xiaomi Mi Band 3, confira a oferta da sua irmã mais velha: Xiaomi Mi Band 2.