Menu

Explore por temas!

Bookmarks

Salve suas notícias e leia quando quiser.

Uber tem prejuízo de US$ 8,5 bilhões em 2019, mas promete lucros em 2020

1 min de leitura
Imagem de: Uber tem prejuízo de US$ 8,5 bilhões em 2019, mas promete lucros em 2020
Avatar do autor

Por Mateus Mognon

via nexperts

A Uber fechou mais um ano no vermelho e deu um prejuízo total de US$ 8,5 bilhões em 2019. O número foi calculado após a companhia revelar seus resultados financeiros do último trimestre, mas a conta negativa não desanimou os investidores. O CEO Dara Khosrowshahi disse que a empresa possivelmente vai começar a dar lucros até o fim de 2020, o que foi suficiente para aumentar o valor das ações da ride-hailing em 10% na bolsa de valores.

A Uber fechou o último trimestre de 2019 com um prejuízo de US$ 1,1 bilhão. Segundo a empresa, cerca de US$ 243 milhões do montante foi destinado para a compensação de ações, fator que elevou os gastos da companhia após a abertura de capital, ocorrida em maio. No primeiro relatório financeiro lançado com a companhia na bolsa de valores, as perdas alcançaram impressionantes US$ 5,2 bilhões.

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE

(Fonte: CNBC/Reprodução)

Apesar do prejuízo, a companhia ainda dá esperanças para os investidores por causa do seu crescimento. No último trimestre de 2019, a empresa superou as expectativas do mercado e teve receita líquida de US$ 4,1 bilhões. Além disso, a firma registrou um crescimento anual de 28% na receita bruta total e conseguiu movimentar com os segmentos de entregas e corridas cerca de US$ 18 bilhões, valor que exclui taxas, descontos e pagamento aos motoristas.

Perspectiva de lucro

Enquanto os gastos astronômicos podem assustar, o prejuízo está dentro dos planos da Uber e a companhia até adiantou suas perspectivas de lucro. Na metade do ano passado, Dara Khosrowshahi disse que a empresa ainda demoraria para dar dinheiro e que os relatórios positivos poderiam chegar somente após 2021. Agora, os planos mudaram: segundo o CEO, a companhia pode fechar o último trimestre de 2020 fora do vermelho.

O comandante da empresa não revelou detalhes de seu plano para alcançar lucros mais cedo, mas o ano de 2019 foi marcado por reestruturações na companhia, que fez demissões em massa para sintetizar suas operações e cortar custos.

Cupons de desconto TecMundo:

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE

Categorias


Comentários

Conteúdo disponível somente online
Uber tem prejuízo de US$ 8,5 bilhões em 2019, mas promete lucros em 2020