Menu

Explore por temas!

Bookmarks

Salve suas notícias e leia quando quiser.

Imagem de: Fim da Guerra Comercial: EUA e China vão cancelar tarifas
Avatar do autor

Por Ramalho Lima

via nexperts

1 min de leitura

Fim da Guerra Comercial: EUA e China vão cancelar tarifas

guerra comercial entre EUA e China começou no início de 2018, com o primeiro anúncio de tarifas impostas sobre produtos chineses, feito pelo presidente americano Donald Trump. Depois, foi a vez da China tarifar produtos americanos, em um movimento de revide. Nesta quinta-feira (07), o porta-voz do Ministério do Comércio da China, Gao Feng, anunciou que as duas nações concordaram em cancelar as tarifas, o que será feito de forma gradativa.

Segundo Feng, o cancelamento das tarifas era uma condição essencial para qualquer acordo.

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE

O acordo comercial entre os dois países pode ser assinado ainda em novembro, pelos presidentes Donald Trump, dos EUA, e Xi Jinping, da China, em local a ser definido. Em primeira instância, as duas nações devem cancelar algumas tarifas simultaneamente.

Cumprimento entre os presidentes Donald Trump (à esquerda) e Xi Jinping (à direita). (Fonte: Damir Sagolj/Reuters)

Há a expectativa que esta primeira fase do acordo aborte as novas tarifas que o governo americano havia determinado, e que entrariam em vigor no dia 15 de dezembro. Essas tarifas englobam aproximadamente US$ 156 bilhões em importações chinesas, incluindo brinquedos e dispositivos eletrônicos.

Gao Feng disse que, nesta “fase um” do acordo, a proporção das tarifas deverá ser a mesma para ambas as nações, mas que o número a ser cancelado pode ser negociado.

Ele ainda informou que foram realizadas várias discussões sérias e construtivas entre ambas as partes, a fim de resolver as preocupações comerciais da melhor forma possível, em um acordo que terá diferentes fases. Feng, no entanto, não forneceu um cronograma.

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE

Fontes

Categorias


Comentários

Conteúdo disponível somente online
Fim da Guerra Comercial: EUA e China vão cancelar tarifas