Menu

Explore por temas!

Bookmarks

Salve suas notícias e leia quando quiser.

Imagem de: Preço do PlayStation 4 e acessórios caem depois de medida do governo
Avatar do autor

Por Maximilian Rox

1 min de leitura

Preço do PlayStation 4 e acessórios caem depois de medida do governo

O impacto da última medida aprovada pelo governo em favor da redução de impostos aos jogos eletrônicos está trazendo resultados desde já para o bolso dos gamers. Após o anúncio no Diário Oficial da União a respeito da diminuição das alíquotas de Imposto sobre Produtos Industrializados (IPI), a assessoria do PlayStation no Brasil confirmou ao Voxel quais serão os novos preços dos consoles e produtos da marca pelo país.

Confira como será a redução dos preços dos produtos na lista logo abaixo. Lembrando que os valores são sugeridos para os varejistas e podem variar de loja para loja.

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE

  • PlayStation 4 – de R$ 2.599 por R$ 2.399
  • PlayStation 4 Pro – de R$ 2.999 por R$ 2.799
  • PlayStation VR headset – de R$ 2.799 por R$ 2.599
  • Controle wireless Dualshock 4 (Black) – de R$ 259 por R$ 249
  • Controle wireless Dualshock 4 (cores adicionais) – de R$ 279 por R$ 269

No final de julho, o jogador profissional de Counter-Strike: Global Offensive, Gabriel "FalleN" Toledo, compartilhou por meio das suas redes sociais uma conversa que teve com o Presidente da República, Jair Bolsonaro, a respeito desse assunto. Na ocasião, ele comentou que o governo "começou a estudar a possibilidade de abaixar os impostos na área gamer" e que "não será uma redução drástica de imediato".

O Voxel está em contato com a assessoria da Microsoft para saber se as medidas do governo também terão impacto nos preços dos produtos Xbox pelo país.

Preço do PlayStation 4 cai depois de medida do governo, confira via Voxel

Cupons de desconto TecMundo:

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE

Categorias

Cultura Geek Video Game e Jogos Jogos Governo PS4 PS4 Pro

Comentários

Conteúdo disponível somente online
Preço do PlayStation 4 e acessórios caem depois de medida do governo