Menu

Explore por temas!

Bookmarks

Salve suas notícias e leia quando quiser.

Vacina do coronavírus: 2ª dose aprovada pela Anvisa

1 min de leitura
Imagem de: Vacina do coronavírus: 2ª dose aprovada pela Anvisa
Avatar do autor

Por Joy Macedo

Nesta segunda-feira (10), a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) decidiu que os voluntários podem receber a segunda dose da vacina da Universidade de Oxford contra a covid-19. O reforço da imunização deve ser aplicado entre 4 e seis 6 após o recebimento da primeira dose.

Outra novidade é a ampliação da idade máxima dos participantes dos testes, que saltou de 55 anos para 69 anos. A mudança aconteceu depois que o grupo anterior não apresentou nenhuma intercorrência grave. A idade mínima para participar da pesquisa é 18 anos.

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE

Em julho, o resultado das duas primeiras fases de testes da imunização com a vacina inglesa indicaram que ela parece ser segura e promissora, estimulando a produção de anticorpos e glóbulos brancos para combater infecções. A terceira etapa está em andamento, acontecendo em diversos países, entre eles o Brasil.

Criada pela instituição britânica em parceria com a farmacêutica AstraZeneca, a substância utiliza princípios semelhantes aos de vacinas contra a Mers (síndrome respiratória que tem como causa outro tipo de coronavírus) e o ebola. Ela se destaca como uma das opções em estágio mais avançado no momento.

Cupons de desconto TecMundo:

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE

Categorias


Comentários

Conteúdo disponível somente online
Vacina do coronavírus: 2ª dose aprovada pela Anvisa