Menu

Explore por temas!

Bookmarks

Salve suas notícias e leia quando quiser.

Astrônomos britânicos podem ter descoberto a borda da Via Láctea

1 min de leitura
Imagem de: Astrônomos britânicos podem ter descoberto a borda da Via Láctea
Avatar do autor

Por André Luiz Dias Gonçalves

via nexperts

Um grupo de astrônomos do Reino Unido acredita ter encontrado a borda da Via Láctea, após a realização de novas medições de distância a objetos nos arredores do espaço. A descoberta foi anunciada em um artigo publicado recentemente no arXiv.

Com base em dados de mapeamento do satélite Gaia, registrados em 2019, chegou-se à conclusão que a Via Láctea teria um diâmetro de 260 mil anos-luz. No entanto, a densidade e a influência gravitacional da nossa galáxia se estendem para além do espaço delimitado.

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE

Levando estes dois fatores em consideração, a equipe de pesquisadores conduzida pela astrofísica da Universidade de Durham, Alis Deason, realizou simulações de alta resolução de matéria escura, responsável pela influência gravitacional, isoladamente e em um pequeno grupo de galáxias com 9,8 milhões de anos-luz de distância, no qual o nosso sistema está inserido, assim como Andrômeda.

A maior parte da Via Láctea é composta de matéria escura.A maior parte da Via Láctea é composta de matéria escura.Fonte:  Pixabay 

Também foi observada a velocidade dos objetos que se movem pelo espaço e a densidade, na tentativa de encontrar a “beirada” da galáxia, comparando os dados obtidos com os de outros sistemas menores. O resultado mostrou um número impressionante: o diâmetro da Via Láctea é de 1,9 milhão de anos-luz.

Matéria escura

Além de estrelas, planetas, luas, buracos negros e outros objetos estelares, a Via Láctea também é composta por grande quantidade de matéria escura, chamada assim devido à impossibilidade de se observá-la diretamente com telescópios, por ela não refletir a luz.

Mesmo nunca tendo sido vista pelos cientistas, sabe-se que ela existe por causa dos efeitos gravitacionais exercidos no espaço, cujos efeitos ajudaram no estudo conduzido por Deason, que podem ter revelado os limites da nossa galáxia.

Alguns pesquisadores classificam essa massa escura como uma espécie de cola universal, responsável por manter as galáxias unidas.

Cupons de desconto TecMundo:

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE

Categorias


Comentários

Conteúdo disponível somente online
Astrônomos britânicos podem ter descoberto a borda da Via Láctea