Como zipar arquivos

Dicas para iniciantes: aprenda a compactar seus documentos em um arquivo do tipo ZIP!

Primeiro, gostaríamos de frisar que este tutorial trata de um tema que pode ser particularmente interessante para os usuários novatos, que estão nos primeiros passos no mundo dos computadores.

O formato ZIP é amplamente conhecido pela habilidade de reduzir o tamanho (em alguns KB ou até MB) de vários tipos de arquivos. Desde a sua criação, em 1989, o ZIP passou por várias mudanças e melhorias ao longo dos anos, com a atualização e aperfeiçoamento dos algoritmos de compressão dos dados.

Apesar de o ZIP ter a compressão de dados como seu grande destaque, esse formato é bastante usado pela natureza do arquivo final, pois ele reúne todos os documentos e pastas selecionadas em um único “contêiner” facilitando o transporte das informações.

Em 1998, a Microsoft decidiu integrar o padrão ZIP de arquivos ao sistema operacional. Desde então, os principais SOs (inclusive distribuições Linux e o Mac OS X da Apple) oferecem suporte à compressão de arquivos de forma nativa.

No tocante aos programas específicos para compressão de arquivos podemos citar o WinZip e o WinRAR, como os mais populares do ambiente Windows. Apesar de o segundo criar arquivos com a extensão RAR, ele trabalha com a tecnologia ZIP e, portanto, é enquadrado na mesma categoria de aplicativos.

Pré-requisitos

Se você utiliza um sistema operacional atual (a partir dos anos 2000), então já tem todas as ferramentas necessárias para realizar a compressão de arquivos. Todavia, mostraremos também um método alternativo usando o WinRAR, um dos softwares mais populares entre os usuários do sistema operacional da Microsoft. Ambos os processos podem ser feitos com múltiplos arquivos.

Faça você mesmo

1. No Windows, selecione o arquivo desejado e clique com o botão direito do mouse sobre ele. Agora vá até a opção “Enviar para” e escolha o item chamado “Pasta Compactada”.

Quando o sistema terminar de comprimir as informações, ele vai exibir um arquivo, no mesmo local do original, com o ícone semelhante ao que podemos ver abaixo:

Então, tudo o que você precisa fazer é digitar um nome para o arquivo comprimido ou então deixar o nome padrão, que é o mesmo do arquivo ou pasta que foram originalmente selecionados.

2. Agora vamos ver como fazer a mesma operação através de programa WinRAR. Selecione o arquivo desejado e clique com o botão direito do mouse sobre ele. Nesse passo temos duas alternativas principais: a primeira é a “Adicionar para o arquivo...”, que abre uma janela e permite que o usuário faça uma série de configurações.

Porém, para o propósito desse tutorial, vamos escolher a segunda opção chamada “Adicionar para ‘He-Man.rar’”. Desta forma o arquivo com a compressão ZIP será criado automaticamente na mesma pasta da imagem original e terá um ícone parecido com este:

Não se preocupe, apesar dos ícones e extensões serem diferentes, trata-se da mesma tecnologia de compressão de dados (ZIP) e os dois arquivos devem funcionar da mesma maneira em qualquer computador que preencha os pré-requisitos citados anteriormente.


RECOMENDAMOS PARA VOCÊ


RELACIONADOS
COMENTÁRIOS
NOVAS
TOPO DA PÁGINAVER SITE COMPLETO