Ainda em 2017, a Samsung deve começar a produzir na forma de protótipos seus primeiros smartphones de tela dupla. Isso significa dispositivos com dois visores lado a lado, dobráveis, que vão tentar entender como o mercado enxergaria o lançamento de aparelhos desse tipo antes de investir mais esforços em sua produção.

Essa produção não teria em vista o mercado do consumidor 'comum', que está acostumado a comprar smartphones 'normais'

Assim, cerca de 2 mil a 3 mil unidades desse protótipo seriam fabricadas pela Samsung ainda neste primeiro semestre do ano, e a publicação sul-coreana ET News afirma que a fabricação já teria sido iniciada. Eles teriam duas telas OLED de 5 polegadas cada, unidas por uma espécie de “dobradiça” única.

Essa produção não teria em vista o mercado do consumidor “comum”, que está acostumado a comprar smartphones “normais”; ela viria mais, na verdade, com a função de testar o mercado e a recepção de dispositivos dobráveis, anos após os smartphones terem rumado para um design de peça única.

Exemplos no mercado

Já é possível ver por aí algo parecido com o que a Samsung pretende produzir – celulares com duas telas lado a lado. Dois bons exemplos são o NEC Medias W N-05E e o aparelho Echo, da Kyocera. Ambos possuem visores idênticos e dobráveis, sendo possível ter uma visualização mais ampla de páginas e aplicativos ou usar cada lateral para uma função simultaneamente.

A empresa sul-coreana prevê a capacidade de produção de smartphones com tela dupla para 2019, apesar de ainda não ter condições de fabricar esse tipo de dispositivo

Boatos já indicaram que a empresa sul-coreana prevê a capacidade de produção de smartphones com tela dupla para 2019, apesar de ainda não ter condições de fabricar esse tipo de dispositivo de maneira comercial, apenas para testes e pesquisa, assim como os protótipos que já estariam sendo feitos.

Dispositivo com tela dupla

Testando dispositivos

A fonte que passou as informações para a publicação ET News afirmou: “Como os produtos dobráveis chamam mais atenção nos mercados recentemente, é importante entender as demandas e ideias sobre novos UXs por meio desse protótipo. Isso faz parte do esforço da Samsung Electronics para introduzir smartphones dobráveis como produtos ultrapremium”.

Tendo isso em vista, podemos esperar um investimento da Samsung nessa categoria de dispositivos, pelo menos para ver se vai colar ou não com o público. Será que estamos diante de uma daquelas mudanças críticas no universo dos dispositivos tecnológicos e o futuro realmente está em smartphones com tela dupla? Conte para a gente o que você acha, aí nos comentários!