Embora muitos tenham torcido o nariz quando a Nintendo revelou que ia se embrenhar pelas plataformas mobile, tudo indica que essa foi uma das decisões mais acertadas da empresa nos últimos tempos. Depois de testar as águas com o simpático Miitomo – uma mistura de rede social e mensageiro –, arrebatar multidões junto da Niantic com Pokémon GO e surpreender todo mundo com Super Mario Run, o novo filhote da Big N também parece estar no caminho certo: Fire Emblem Heroes rendeu US$ 2,9 milhões (R$ 9 milhões) em apenas 24 horas.

Anunciado oficialmente no último dia 18 de janeiro e chegando às lojas de aplicativos da Google e da Apple na quinta-feira (2), o RPG tático da companhia japonesa não fez feio no seu primeiro dia de trabalho. Afinal, estamos falando de um game que arrecadou quase US$ 3 milhões em ambos os sistemas e em escala global em um período bastante curto. O mais interessante? Toda essa renda vem apenas das microtransações de orbes e outros itens, já que o jogo é completamente gratuito tanto no Android quanto no iOS.

Quem nunca sonhou em fazer uma grana dessas em apenas um dia, hein?

Vale deixar claro: não se trata de nenhum recorde para o segmento ou mesmo para a Nintendo, já que Super Mario Run tirou US$ 8,4 milhões (R$ 26,2 milhões) dos jogadores no mesmo período, ao passo que Pokémon GO chegou a marca de nada menos que US$ 10,2 milhões (R$ 31,8 milhões) sob essas condições. Ainda assim, se considerarmos que a franquia Fire Emblem – apesar de amada por seus fãs mais ardorosos – não chega aos pés da popularidade de Mario e Pikachu, dá para dizer que se trata de uma boa estreia, certo?

Se a comparação for feita com Clash Royale, Fire Emblem Heroes brilha bastante

Se a comparação for feita com Clash Royale, por exemplo, um dos grandes sucessos da Supercell, Fire Emblem Heroes brilha bastante – como é possível conferir na imagem mais abaixo. Isso porque ambos os jogos empataram no número de downloads em suas primeiras 24 horas de atividade – sendo baixados cerca de 2 milhões de vezes –, mas o game da Nintendo rendeu mais do que o dobro do que o seu competidor finlandês, que arrendou “apenas” US$ 1,4 milhão (cerca de R$ 4,4 milhões) no período.

Fire Emblem Heroes mandou bem mesmo entre gigantes

Com essa bela sequência de resultados no universo mobile, a Big N não parece disposta a brecar a expansão nessas plataformas. O próximo título a dar as caras nos dispositivos com o sistema da Google e nos iPhones e iPads deve ser Animal Crossing. Enquanto o app, que muito provavelmente deve ser lançado ao longo de 2017, não chega, você pode curtir a campanha e o PvP de Fire Emblem Heroes gratuitamente neste link (Android) ou neste outro endereço (iOS). E você, já deu uma graninha para a Nintendo hoje?