Impressora ecológica cabe na palma da mão

Um novo conceito de eletrônicos de bolso está chegando!

Quem viveu o começo da era digital sabe da dificuldade que era para imprimir alguma coisa, no tempo em que impressões coloridas valiam uma fortuna e só podiam ser encontradas em gráficas. Nos dias de hoje a impressora tornou-se um acessório comum, e agora pode ser levado para qualquer lugar, dentro do bolso.

Pelo menos é isso que propõe o conceito de impressora criado pelo designer Yuexun Chen. A Instant Cartridge Printer, nome com o qual a ideia foi batizada, é uma impressora que cabe no bolso e pode ser levada para qualquer lugar, além de ecologicamente correta.

O que ela tem de ecológica?

Não há como negar que a palavra ecologia está presente neste novo conceito de impressora. Para começar, a carcaça do aparelho seria feita de papel reciclado, mais precisamente de caixa de leite, usado diariamente por milhares de pessoas mundo afora. Isso seria mais do que suficiente para proteger a parte mecânica do aparelho.

Novo conceito de impressora reciclável
Fonte: Yuexun Chen

Além disso, as impressões também seriam feitas apenas em papel reciclado. Uma vez que o número total de impressões for alcançado, o usuário se desfaz do aparelho e adquire um novo. A intenção ao pensar em uma impressora toda feita com materiais recicláveis é justamente baixar o custo do aparelho.

Tamanhos variáveis

Outra característica interessante proposta por Yuexun Chen é o tamanho variável da impressora. A ideia é que o usuário adquira o aparelho de acordo com o tamanho do papel. A princípio dois tamanhos estariam disponíveis: para fotos (disponível em versão colorida e monocromática) e A4 (apenas versão monocromática).

O tamanho do aparelho depende do tamanho do papel
Fonte: Yuexun Chen

 

Como imprime?

Criar um produto inovador não significa complicar a vida do usuário. Por isso, o idealizador da Instant Cartridge Printer pensou em um processo simples para a impressão. Depois de tirar a proteção, o usuário só teria que conectar a câmera na entrada USB presente no aparelho, escolher a foto e mandar imprimir.

A energia para o funcionamento da mecânica seria provida por uma bateria interna, com carga suficiente para o número de impressões proposto pelo aparelho. Tudo isso dentro de uma caixinha de leite! Dá para imaginar?

http://www.coroflot.com/public/individual_file.asp?portfolio_id=3887354&individual_id=296900


RECOMENDAMOS PARA VOCÊ


RELACIONADOS
COMENTÁRIOS
NOVAS
TOPO DA PÁGINAVER SITE COMPLETO