Como criar infográficos em poucos passos

Site PikToChart oferece uma maneira rápida e prática de criação de infográficos.

(Fonte da imagem: Reprodução / PikToChart)

A necessidade de criar infográficos existe tanto na vida acadêmica quanto na profissional, mas não são todos os que dominam a criação de tais apresentações. Existem meios de se criar esses infográficos através de aplicativos, mas muitas vezes eles acabam se mostrando confusos.

Pensando nisso, foi criado o PikToChart, um site que apresenta vários modelos de infográficos que podem ser personalizados e se encaixam dentro da sua necessidade. O serviço apresenta três modalidades de uso: gratuita, mensal e anual. Mostraremos o que você pode fazer com os temas presentes na versão sem custos do PikToChart.

1) Escolhendo o tema do infográfico

Na versão gratuita do PikToChart são disponibilizados cinco temas que podem ser personalizados.

Alguns exemplos de temas (Fonte da imagem: Reprodução / PikToChart)

Escolhendo um deles, você verá a tela de configuração do tema, na qual você poderá personalizar as informações e incluir ou excluir elementos.

2) Criando o infográfico

Como você já escolheu o tema que mais se adéqua ao projeto que você tem em mente, chegou a hora de deixá-lo do jeito que você quer.

(Fonte da imagem: Reprodução / PikToChart)

Note que existe uma coluna na esquerda da tela que mostra opções como “Tools”, “Add Shapes”, “Add Graphics”, “Add Text” e “Theme Graphics”. Explicaremos o que cada uma pode oferecer.

2.1) Tools

(Fonte da imagem: Reprodução / PikToChart)

Em “Tools” (Ferramentas), você tem três opções: enviar imagens do computador para o infográfico, criar um grupo de imagens (apenas na versão paga) e criar gráficos com dados que podem ser incluídos na hora ou através do envio de um arquivo criado anteriormente.

2.2) Add Shapes

(Fonte da imagem: Reprodução / PikToChart)

Em “Add Shapes”, você pode incluir formas ao seu infográfico, além de imagens pré-determinadas pelo PikToChart. Todas as figuras são incluídas em um tamanho consideravelmente grande, podendo ser redimensionadas conforme o seu desejo.

2.3) Add Graphics

(Fonte da imagem: Reprodução / PikToChart)

Em “Add Graphics”, você pode incluir imagens pré-determinadas, como ícones do Facebook, Google + e Twitter.

2.4) Add Text

(Fonte da imagem: Reprodução / PikToChart)

Caso você precise de mais campos de texto no seu infográfico, nessa área você pode escolher o tipo que deverá ser incluído. É possível escolher entre modelos de títulos, subtítulos e campos completos de texto.

2.5) Theme Graphics

(Fonte da imagem: Reprodução / PikToChart)

Neste campo, você pode incluir imagens próprias do tema que você escolheu para o seu infográfico. Aqui, você encontra pontos de ligação entre tópicos e outras figuras. Elas podem ser adicionadas apenas arrastando-as até a imagem principal.

3) Salvando o seu infográfico

Caso você tenha muitas informações pendentes para incluir no seu infográfico, é possível realizar o armazenamento do projeto na sua conta, escolhendo o botão “Save”, que fica na barra superior da janela.

(Fonte da imagem: Reprodução / PikToChart)

Mas digamos que você tenha finalizado o projeto e gostaria de levá-lo consigo. Você pode fazer isso clicando no botão “Download as”. É possível salvar o infográfico apenas como um arquivo de imagem PNG. Outro fator que pode incomodar algumas pessoas (mas é facilmente contornável) é que o projeto feito dentro do modo gratuito traz uma marca-d’água do PikToChart.

Você pode visualizar abaixo como fica um infográfico simples, criado dentro do site.

Ampliar (Fonte da imagem: Reprodução / PikToChart)

Agora que você sabe o que pode ser feito dentro do PikToChart, é só sair criando infográficos para o seus projetos pessoais ou profissionais.


RECOMENDAMOS PARA VOCÊ


RELACIONADOS
COMENTÁRIOS
NOVAS
TOPO DA PÁGINAVER SITE COMPLETO